Pesquisar este blog

Enzimas

As enzimas são uma classe de proteínas muito importantes para a manutenção da vida. As enzimas estão presentes no interior das células e praticamente todas as reações químicas dependem delas. 

As enzimas são proteínas que atuam como catalisadores das reações químicas, ou seja, elas aceleram a velocidade dessas reações. As reações químicas aconteceriam da mesma forma se não houvesse as enzimas, mas o tempo que elas demorariam a acontecer não seria compatível com a sobrevivência da célula, por isso as enzimas são tão essenciais para todo o nosso metabolismo. 

Mas como a enzima acelera a velocidade da reação? Toda reação química precisa de um “empurrãozinho” para ocorrer, a chamada energia de ativação. Quanto maior a energia de ativação mais devagar a reação tende a ocorrer (a célula necessitaria acumular um tanto de energia antes da reação ocorrer). As enzimas atuam diminuindo a energia de ativação, tornando as reações mais prováveis de ocorrerem e portanto mais rápidas. 



Via de regra, cada enzima atua em uma reação química tendo um ou poucos substratos, ou seja, os reagentes, que passarão por determinada transformação, que pode ser, por exemplo, quebra do substrato ou ligação entre alguns substratos. Mas como a enzima sabe qual é o seu substrato entre inúmeras moléculas? Os substratos e as enzimas apresentam formas estruturais que se “encaixam”, como uma chave e uma fechadura, portanto as enzimas são bem específicas e só catalisam a reação de substratos que se encaixam da maneira ideal na região funcional da enzima, chamada de sítio ativo.

Os passos para que a catalisação ocorra são:


1- Encontro da enzima com o substrato 
2- Ligação do substrato no sítio ativo da enzima 
3- Formação do complexo enzima-substrato 
4- Catalisação da reação química, produzindo o(s) produto(s), que é liberado.



Um ponto importante de salientar é que as enzimas não são “gastas” em uma reação, ou seja, elas continuam inteiras e funcionais, prontas para catalisar a reação de outros substratos. Em uma célula, muitas enzimas atuam em uma mesma cascata de reações químicas, como a fotossíntese ou a respiração, sendo que o substrato de uma enzima é o produto da enzima anterior, portanto o mau funcionamento de uma enzima afeta toda uma cadeia de reações onde essa enzima está inserida. As enzimas deixam de funcionar se a temperatura ou o pH estão distantes de uma faixa de trabalho ótima, pela ingestão de remédios que inibem essas enzimas, ou até mesmo por doenças genéticas, onde a pessoa nasce com uma mutação no gene que codifica para essa enzima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário