Pesquisar este blog

Filo Nematoda


Os animais pertencentes ao Filo Nematoda são chamados de nematelmintos, nemátodos ou nematóideos, e formam um grupo de vermes de corpo cilíndrico, liso e alongado, diferente dos platelmintos, que possuem corpo achatado. Esse grupo pode ser encontrado tanto em meio aquático (marinho ou água doce) como terrestre.

Neste grupo encontramos pela primeira vez a presença de um tubo digestivo completo, que termina no ânus.  

O representante mais conhecido desse filo é a lombriga, da espécie Ascaris lumbricoides, causadora da ascaridíase (veja a aula Doenças causadas por Nematodas- Ascaridíase). Esse verme possui corpo cilindro e alongado, em forma de barbante. Possuem parede do corpo revestida com cutícula espessa, e internamente um tubo digestivo retilíneo, que se estende da parte anterior, da boca, até a parte posterior, o ânus. Entre a parede do corpo e o tub digestivo existe uma cavidade, o pseudoceloma, onde se localizam os demais órgãos, como os reprodutores. O pseudoceloma é uma característica deste filo, e o difere do filo anterior, dos platelmintos, que é acelomado.




A lombriga é um parasita do tubo digestivo humano, especificamente no intestino delgado, e se alimenta de substâncias já digeridas pelo hospedeiro. Para isso possuem três lábios carnosos, como é possível observar na foto de microscopia eletrônica de varredura abaixo, e faringe musculosa, que efetuam a sucção do alimento. 



Há um sistema excretor no pseudoceloma formado por canais longitudinais, que eliminam seu conteúdo em um poro excretor que se localiza ventralmente, depois da boca. 

O sistema nervoso é formado por um anel ao redor da faringe e dois ramos longitudinais, um dorsal e um ventral. 


Os sexos nesses animais são separados e a fecundação é interna, com a formação de ovos e de estágios larvais. 


Neste grupo estão presentes vermes que causam doenças humanas, como as lombrigas e os oxiúrios. Veja mais sobre esses tópicos nas aulas de Doenças Causadas por Nemátodos..

Nenhum comentário:

Postar um comentário